O senador Oriovisto entre a primeira-dama, Margarita Sansone e o prefeito Rafael Greca Foto: Assessoria de comunicação.

O prefeito Rafael Greca conferiu, na noite desta quinta-feira (19), a 33 personalidades e três instituições, a Medalha da Ordem da Luz dos Pinhais, a mais alta condecoração municipal. A solenidade foi realizada no Memorial de Curitiba e contou com a participação da Camerata Antiqua de Curitiba, regida por Mara Campos.

“O agradecimento é a memória do coração. Domina esse memorial o painel do grande artista Sérgio Ferro e no centro dele o tímpano que relembra os ensinamentos de Sêneca: a essência da vida consiste em dar, receber e agradecer”, ressaltou o prefeito.

Senador Oriovisto Guimarães, Foto: Pedro Ribas/SMCS

O senador Oriovisto falou em nome de todos os homenageados. “Obrigado Rafael Greca e obrigado Curitiba. Todos nós homenageados estamos em festa e honrados”, disse o senador.

Foto: Assessoria de Comunicação.

A abertura da solenidade foi com a Entrada das Bandeiras pela Guarda Municipal e o encerramento com a execução do Hino de Curitiba pelo Coro da Camerata. O repertório das apresentações incluiu: Hino da Bandeira, Hino Nacional, Hallelujah (de Händel), Carinhoso (de Pixinguinha), Hino da Independência, Melodia Sentimental (de Villa-Lobos), Ode à Alegria (de Beethoven), Glória (de Vivaldi) e o Hino de Curitiba.

Apresentação da Camerata na solenidade de entrega das medalhas da Ordem Municipal da Luz dos Pinhais. Foto: Pedro Ribas/SMCS

Medalha
Instituída pelo Decreto Municipal 915, de 31 de agosto de 2018, a homenagem é constituída de uma medalha, de um diploma e da inscrição do nome dos homenageados em um livro de registros. O decreto define o Conselho da Ordem e os critérios para a escolha de nomes, entre os quais: conduta ilibada dos homenageados e ações de relevância em favor da cidade. As medalhas são inspiradas na obra “Homem à Altura dos Pinheiros”, de João Turin, com o desenho de um homem de braços abertos em um cenário de pinheirais. A imagem remete ao Homem Vitruviano, símbolo do Renascimento, de Leonardo Da Vinci. A medalha é sustentada por uma fita nas cores da bandeira de Curitiba verde bandeira, com filete central vermelho, ladeado por dois filetes brancos e dois filetes dourados.

Os homenageados
ABRAPCH – Associação Brasileira de PCHs e CGHs
Adalberto Jorge Xisto Pereira, desembargador;
Anderson Rodrigues dos Santos, paratleta
Barbara Domingos, ginasta
Camerata Antiqua de Curitiba
Carlos Roberto Massa, comunicador e empresário
Coronel Péricles de Matos, comandante-geral da Polícia Militar do Paraná
Daniel Silva, paratleta
Daniel Pimentel Slaviero, presidente da Copel
Darci Pianna, empresário e vice-governador do Paraná
Enrique Iglesias, ex-presidente do BID
Escola Municipal Coronel Durival Britto e Silva
Fábio Ermírio de Moraes, empresário
Giovani Gionédis, advogado
Hajime Kimura, cônsul-geral do Japão em Curitiba
Isaías Pereira da Silva, maestro
Jacson Fressatto, analista de sistemas inovador
Jaime Lerner, arquiteto e urbanista, ex-governador do Paraná em duas gestões.
Joeci Machado Camargo, desembargadora
Lucia Casillo, produtora cultural
Luiz Ernesto Meyer Pereira, produtor cultural
Marcos Francisco Bodanese, empresário
Maurício Noronha e Rodrigo Brenner, designers
Odgar Nunes Cardoso, superintendente da Defesa Social
Oriovisto Guimarães, senador
Padre Reginaldo Manzotti
Paulo Eduardo Martins, deputado federal
Pedro Lupion, deputado federal
Raffaele Festa é cônsul-geral da Itália em Curitiba
Regina Helena Afonso de Oliveira Portes, desembargadora
Reverendo Roberto Brasileiro Silva, presidente do Supremo Concílio da Igreja Presbiteriana do Brasil (IPB).
Rodolfo Doubek Filho, arquiteto, urbanista e paisagista
Sérgio Ferro Pereira, artista plástico
Sergio Moro, ministro da Justiça e Segurança Pública
Vitor Tavares, paratleta

Foto: Daniel Castellano / SMCS

Presenças
Participaram da solenidade o vice-prefeito, Eduardo Pimentel; a primeira-dama, Margarita Sansone; o secretário do Governo Municipal e presidente do Ippuc, Luiz Fernando Jamur; a presidente da Fundação Cultural de Curitiba (FCC), Ana Cristina de Castro e a procuradora-geral do município, Vanessa Volpi, entre outras autoridades.

No salão onde foi realizada a cerimônia, uma exposição de fotos de obras do pintor curitibano Sérgio Ferro, organizada pela primeira-dama, Margarita Sansone.

Senador ao lado da foto do painel do pintor Sérgio Ferro. O painel está instalado na fachada de trás do Teatro Positivo, Grande Auditório. A obra é inspirada nos quatro pilares filosóficos sustentados pelo Grupo Positivo: saber, ética, trabalho e progresso. Foto: Assessoria de Comunicação.